sábado, 28 novembro 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Política

Baltazar reencontra ex-pacientes na Vila Brasília

21/10/2020 18:15:02

O candidato a prefeito de Volta Redonda pelo PSD, Paulo Baltazar, viveu momentos de nostalgia na Vila Brasília. Considerado um dos mais carentes da cidade, o bairro foi o local escolhido pelo então médico em início de carreira para atendimento social. “A Vila Brasília é um bairro que guardo no coração, pois aqui trabalhei durante 10 anos como médico e vi de perto a dificuldade das pessoas”, disse o candidato.

Baltazar disse que, que no começo da sua carreira, atendia  famílias de porta em porta por conta da falta de estrutura na saúde. E que que a Vila Brasília não foi o único local que o inspirou a ingressar na vida pública.

“A situação do Padre Josimo também me compadeceu. Eu via poços de água ao lado de fossas. Não bastava dar remédios àquelas pessoas, na outra semana elas ainda estavam doentes por conta da falta de saneamento. Por essa luta, entrei na política e, quando fui prefeito, levei água e esgoto encanados ao bairro, para dar mais dignidade aos moradores”, lembrou Baltazar

A caminhada pelo bairro contou com acenos, adesões e muita vontade de abraçar as pessoas, segundo Baltazar. "A gente se sente abraçado em tempos de pandemia, pelo olhar carinhoso das pessoas”, disse.

Baltazar reencontra ex-pacientes na Vila Brasília

Granato diz que pretende fazer mudanças na saúde e nos transportes

Por mais de uma hora, o candidato a prefeito de Volta Redonda, Granato (Solidariedade) participou de uma live com presidentes das associações de moradores, na noite de terça-feira (20). Ele apresentou seu plano de governo e destacou o Restaurante Popular no Retiro, a educação em tempo integral, a construção e convênios para novas creches que funcionarão também em tempo integral, permitindo que as mães das crianças possam sair para trabalhar, e um melhor uso do Centro Médico de Volta Redonda, antigo Hospital Santa Margarida.

Na live, que contou a com a presença dos presidentes das associações dos bairros São Cristóvão, Alexandre Clayton; Santa Inês, Frederico Nogueira, e do bairro São Carlos, Wellington do Carmo, o candidato disse que hoje o Centro Médico é uma “fachada criada pelo atual gestor” para iludir a população.

“Vamos aproveitar todas as dependências daquele local. E vamos também criar uma área para atendimento aos funcionários públicos e seus familiares. Também contrataremos mais médicos – principalmente especialistas, para não só atender aos funcionários públicos, mas também a toda a comunidade. Hoje uma consulta com para um neuropediatra, por exemplo, leva mais de um ano para ser agendada”, afirmou.

Granato diz que pretende fazer mudanças na saúde e nos transportes

Mobilidade - Durante a transmissão foi indagado a Granato sobre a questão da mobilidade urbana. “Isso tudo vai muda”, respondeu. “No nosso plano de governo, os ônibus não mais cruzarão a cidade. Não é possível um ônibus sair do Ilha Parque, passar pela Barreira Cravo e Aero, cruzar a Paulo de Frontin, ir até o Park Sul e depois voltar para a Vila, para deixar os passageiros que quiserem este destino. Isso é o fim da picada. No nosso governo isso não mais acontecerá porque teremos polos onde os passageiros virão da periferia até um ponto e de lá partirão em outro ônibus, sem pagar nada mais, com destino ao Centro. Assim diminuiremos não só os tempos de viagem, mas também a poluição causada, já que a vinda para o Centro será feita em ônibus elétricos. Por tabela, o trânsito será mais tranquilo e acabaremos com grande parte dos engarrafamentos hoje existentes”, disse.

Entrevista - Granato estará nessa quinta-feira concedendo uma entrevista, às 9h30min a rádioweb Destaque Popular, e à tarde estará nos bairros Amaral Peixoto e São Luiz. À noite, ele realizará mais uma carreata.

Neto diz que ‘recepção da população’ dá força à campanha

O candidato do DEM à prefeitura de Volta Redonda, Antônio Francisco Neto, fez uma carreata na terça-feira (20) percorrendo diversos bairros da cidade. Em determinado momento do ato de campanha, a chuva chegou com força, mas o ex-prefeito destacou que nem o aguaceiro amenizou o apoio popular.

"As pessoas estão muito confiantes de que temos condições de recolocar nossa cidade no caminho certo. A chuva caiu e até pensamos em parar a carreata, mas diante das manifestações da população e até em respeito a eles, seguimos adiante. A chuva não impediu o povo e não iria nos impedir", disse.

Neto afirmou que a saúde e a falta de manutenção nos bairros têm sido queixas constantes por parte dos populares. "A crise na saúde está aí, é uma realidade e pior do que muita gente pensa. Vai do posto de saúde ao hospital e sem dúvida é o que mais nos preocupa", ressaltou.

Neto diz que ‘recepção da população’ dá força à campanha

Cida diz que Volta Redonda precisa de choque de gestão

Em entrevista à Rádio Vibe 89 FM na terça-feira (20), a candidata a prefeita Cida Diogo (PT) reforçou seu compromisso em recuperar a saúde de Volta Redonda, com propostas como a Fundação Municipal de Saúde e se posicionou mais uma vez contra as Organizações Sociais (OSs). Cida foi vice-prefeita, secretária de Saúde, deputada estadual e federal.

Ao ser perguntada sobre o porquê da candidatura, uma vez que Volta Redonda está endividada, Cida Diogo afirmou que tem disposição para assumir o papel de “resgatar a potencialidade do município”. E disse que não medirá esforços para buscar recursos estaduais, federais e até mesmo internacionais, com projetos consistentes.

“A cidade, da forma como está caminhando, está precisando de um choque de gestão e, ao mesmo tempo, de propostas arrojadas para fazer essa cidade voltar a ser aquela Volta Redonda pujante de quando foi fundada. E a gente quer transformar essa cidade na liderança econômica da nossa região para que a gente promova o desenvolvimento regional e, com isso, todo mundo possa crescer”, evidenciou a prefeitável da única chapa formada somente por mulheres, com Nena Düppré (PV) de vice.

A candidata à prefeitura também apresentou suas propostas para a educação, como o Bairro-Escola, para a economia, cultura, esporte, e falou também sobre seu projeto para restituir o Recreio do Trabalhador, junto ao movimento Terras de Volta e o Ministério Público. “Eu quero transformar ele num grande centro cultural e esportivo”, afirmou. A entrevista foi transmitida ao vivo pelo YouTube e pode ser conferida na íntegra pelo canal da rádio e pelo Facebook de Cida Diogo (https://www.facebook.com/cidadiogorj). (Fotos: Divulgação)

Cida diz que Volta Redonda precisa de choque de gestão

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

10:14 Polícia