sexta-feira, 25 setembro 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Estado

Justiça do Rio proíbe volta de escolas particulares no Rio

Prefeito pagará R$ 10 mil se decisão for descumprida

06/08/2020 12:15:20

A justiça do Rio suspendeu o decreto da prefeitura que permitia a reabertura de escolas privadas na capital do estado. Nesta quinta-feira (6), o desembargador Peterson Barroso Simão, da Terceira Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) determinou a suspensão do decreto 47.683 e estipulou pena de multa diária de R$10 mil ao prefeito Marcelo Crivella em caso de descumprimento.

O decreto, de 22 de julho, autorizava escolas particulares a retornarem as aulas, de forma voluntária, das turmas do 4º, 5º, 8º e 9º anos. Desde o dia 1º deste mês, essa autorização estava valendo e, esta semana, sete escolas da cidade já haviam aderido ao retorno, seguindo o protocolo de segurança, como distanciamento de mesas e aferição de temperatura das crianças na entrada. A reportagem é do jornal Extra.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

14:27 Polícia