quinta-feira, 11 agosto 2022
Fale Conosco | (24)3343-5229

Educação

Alunos pedem mudança de local do Cederj em Volta Redonda

30/06/2022 08:16:54

Os alunos do Cederj (Centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do Rio de Janeiro) em Volta Redonda iniciaram esta semana um abaixo-assinado digital para pedir ao governador Claudio Castro que as instalações do polo na cidade sejam transferidas para outro lugar. E o local sugerido por eles é, nada menos, o imóvel que abrigava o Centro de Puericultura da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), no “coração” da Vila Santa Cecília.

O Cederj conta atualmente com cerca de 1,2 mil alunos em Volta Redonda e, desde que foi implantado na cidade, funciona num espaço cedido pela prefeitura sob as arquibancadas do Estádio Raulino de Oliveira, no Jardim Paraíba. O lugar não é adequado, segundo os alunos. Pouco arejado e com espaço físico pequeno, o polo enfrenta diversas limitações. As provas presenciais, por exemplo, têm que ser realizadas em salas cedidas pelo Instituto de Educação Manoel Marinho ou pela UFF (Universidade Federal Fluminense), ambos na Vila Santa Cecília.

Devido à sua atual localização e características internas, o polo não consegue autorização do Corpo de Bombeiros para utilizar laboratórios de microbiologia que manipulam substâncias tóxicas ou voláteis.

Para piorar, as atividades sofrem a interferência dos jogos realizados no Estádio Raulino de Oliveira. Na quarta-feira (29), as atividades tiveram de ser encerradas às 17 horas por causa do jogo do Voltaço contra o Macaé, pela Série A2 do Campeonato Carioca.

“Dependendo do jogo, o aluno que vai de carro ou mesmo de ônibus tem dificuldades para chegar. As aulas tutoriais são impraticáveis, é muito barulho”, diz Marlene de Paula Gomes Rangel, de 51 anos, aluna do 8º período na licenciatura de Ciências Biológicas da UFERJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

Partiu de Marlene a ideia do abaixo-assinado pedindo a interferência do governador junto à CSN para a cessão do imóvel na Vila. “A gente pensou no antigo centro de puericultura porque ali é centralizado, um ponto estratégico para a maioria das pessoas que vêm de fora. Até para quem mora em Volta Redonda será bom, pois o nosso transporte público é ruim. O Cederj tem ensino de qualidade e recebe alunos de diversas cidades. Ali, outros cursos poderão ser implantados e as provas podem ser feitas sem necessidade de recorrer a outro local”, acrescenta a estudante.

Alunos pedem mudança de local do Cederj em Volta Redonda

Citando mais uma vez as provas presenciais, ela ressalta a incerteza dos alunos onde terão de comparecer, pois, tanto o Manoel Marinho quanto a UFF dependem de não ter algum evento marcado para cederem seus espaços aos estudantes do Cederj.

O abaixo-assinado já tem cerca de 700 assinaturas e tem o apoio da direção e dos professores do Cederj. O movimento também está sendo apoiado pelo MEP-VR (Movimento Ética na Política de Volta Redonda).

O Centro de Puericultura foi tombado como Patrimo^nio Histo´rico-Arquiteto^nico de Volta Redonda por lei municipal em 1991. O imóvel está sem uso há mais de 20 anos. (Fotos: Divulgação e FOCO REGIONAL)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

10:42 Estado